Meu Cadastro      Certificado Eventos      Clube de Vantagens

Newsletter



Cadastrar Remover

Clippping

ABRH e B&A vão gerar indicadores nacionais de RH

PESQUISA
graph-3068300_ColiNOOB_Pixabay_br

A ABRH-Brasil e a consultoria Bachmann & Associados (B&A) estabeleceram uma parceria para ampliar a abrangência da pesquisa feita para a ABRH-PR, o Benchmarking de Indicadores de Recursos Humanos. A partir de agora, o estudo, realizado há dez anos com os paranaenses, ganha âmbito nacional.

Composto de doze indicadores, como rotatividade, retenção, absenteísmo e percentual de mulheres, entre outros, o levantamento permite às empresas participantes utilizarem os resultados para conhecer o ambiente competitivo, identificar processos que podem ser melhorados, estimular e motivar suas equipes e estabelecer metas.

Neste ano, um novo sistema informatizado de coleta de dados possibilita às empresas emitirem um relatório on-line, inclusive com gráficos por segmento de negócio para cada indicador, desde que um número mínimo de empresas do mesmo segmento já tenha fornecido seus dados. Além disso, o sistema gera relatórios estratificados por regiões, estados e portes de empresa.

“Isso facilita as comparações e a identificação de resultados excepcionais que contribuirão para que os gestores de RH possam escolher metas mais audaciosas, porém realistas, contribuindo para o sucesso de suas organizações”, diz Dórian Bachmann, diretor da B&A.

Ele salienta que, diferentemente da maioria das pesquisas, em que são colhidos dados para atender a um cliente específico, no Benchmarking os clientes são os próprios participantes do levantamento.

Qualidade garantida
Bachmann também destaca três cuidados sempre tomados para garantir a qualidade das informações fornecidas no levantamento:

1- Muitas empresas usam fórmulas diferentes para calcular métricas com os mesmos nomes. Assim, ao solicitar informações como o número de horas trabalhadas e a quantidade de empregados, o sistema calcula os indicadores usando padrões de cálculo aprovados pela ABRH. “Isso garante que os resultados apresentados sejam comparáveis”, assinala.

2 – O sistema faz uma verificação automática dos números fornecidos, alertando o usuário quando ele insere um dado pouco lógico.

3 – Todos os dados inseridos passam por um analista que verifica a consistência dos números, levando em conta valores típicos do segmento de negócio da empresa. No caso de qualquer dúvida, a empresa é consultada para confirmar ou ajustar os números informados.

PARA PARTICIPAR
Os interessados devem acessar o site www.indicadoresrh.com.br e inserir os dados referentes à sua empresa. Logo após, será possível gerar relatórios com os resultados comparativos com outras empresas do setor. Vale ressaltar que todos os dados são anônimos.

 

GESTÃO COM ARTE

A alma do RH, por Ziraldo

Menino Maluquinho por Gente

Através do Menino Maluquinho, seu mais famoso e amado personagem, o desenhista e escritor Ziraldo, de 85 anos, presenteou a ABRH-Brasil e toda a comunidade de Recursos Humanos ao expressar, em uma folha de papel, a alma do RH.

Tudo aconteceu no ano passado, em um hotel na cidade de São Paulo, quando se encontrou com o amigo Rogério Mainardes. Diretor de Parcerias Estratégicas da ABRH-Brasil, Mainardes, que mora no Paraná e trabalha no Grupo Positivo, estava na capital paulista para uma reunião da associação com seus diretores e presidentes das seccionais, quando recebeu uma ligação de Ziraldo. Ao saber da estada do amigo na cidade, o desenhista decidiu surpreendê-lo com uma visita no hotel. Foi desse encontro que nasceu o Maluquinhos por Gente.

Daviane Chemin, vice-presidente da ABRH-Brasil, também estava presente. “Perguntamos se podia nos deixar uma lembrança. Ele me pediu para falar do nosso trabalho. Contei o que fazíamos, do nosso propósito de sempre colocar as pessoas no centro da vida organizacional. Ele rapidamente captou o que nos move – a paixão por pessoas. Assim, pediu papel e caneta, começou a assoviar e fez o desenho”, detalha Daviane.

Como o encontro havia acontecido um dia antes de começar o CONARH 2017, congresso promovido pela associação tradicionalmente em agosto, ao dar as boas-vindas à plateia do evento, formada por quase 2,5 mil profissionais, a vice-presidente da ABRH-Brasil fez questão de relatar o que tinha acontecido e apresentar o desenho original, exibindo-o no telão.

Diante do encantamento das pessoas e do grande desejo da associação de compartilhar a imagem com maior amplidão, Mainardes perguntou a Ziraldo se a entidade poderia reproduzi-la. Solícito e afeito à causa, ele não só autorizou, como cedeu os direitos autorais e providenciou uma versão final, mais caprichada e em cores.

“Ziraldo fez, como faz sempre em sua arte, um desenho com toda a sua sensibilidade, expressando a essência da ABRH-Brasil. É no ser humano, com sua potencialidade, que se concentra o esforço de todos na associação. É para despertar talentos, compreender, adequar e desenvolver potenciais em busca da melhor produtividade, realização e felicidade no ambiente das organizações que nós existimos,”, avalia Mainardes.

Túnel do tempo
Quase 20 anos atrás, em 1999, Ziraldo, então com 66 anos, concedeu uma entrevista à Melhor – Gestão de Pessoas, revista da ABRH-Brasil, que valeu a capa da edição especial de agosto, que circula no CONARH. Além de falar do seu trabalho, de inspiração, de dom e de criatividade, ele comentou o cenário social brasileiro: se tivesse o poder de mudar o país, sua primeira medida seria resolver o problema da educação e, em seguida, o da saúde. “Tendo um povo educado e com saúde, seria barbada encontrar saída para o pleno emprego”, arrematou.

 

SECCIONAIS EM AÇÃO

SECCIONAIS EM AÇÃO

Rio e Amazonas em destaque

As ABRHs do Rio de Janeiro e do Amazonas realizam, neste mês, seus grandes congressos anuais para jogar luzes sobre a gestão de pessoas do presente e do futuro. Confira o que ambas prepararam para seus públicos:

15 E 16 DE MAIO
O Centro de Convenções do Windsor Oceânico Hotel, na capital fluminense, vai sediar o 44º RH-RIO, que tem como tema central O futuro em nossas mãos – Inovação, conhecimento, inspiração, atitude e protagonismo.

“As organizações precisam buscar novas oportunidades, implementar práticas que melhorem o resultado do negócio e inovar. A programação foi planejada pensando nessas necessidades”, explica Paulo Sardinha, presidente da ABRH-RJ.

Na abertura, a palestra O futuro do Rio em nossas mãos vai debater a alta demanda para as empresas investirem em novas formas de negócios, buscando as oportunidades latentes no estado, que vão além da indústria do petróleo e dos investimentos públicos. A proposta é discutir também o papel do RH no fomento de uma cultura inovadora, empreendedora e cooperativista. Participam do painel Julio Talion, presidente da GE Celma; José Magela, presidente da Prumo Logística; e Eduardo Ariel, diretor acadêmico da ESPM-RJ, moderados por Rodolfo Schneider, diretor de Jornalismo do Grupo Band Rio.

Já na magna de encerramento, O futuro da cidadania em nossas mãos, o objetivo é provocar reflexão sobre a função social das empresas, discutindo sua capacidade de formar cidadãos a partir de um espaço inclusivo. Participam Fabio Rosé, diretor geral de RH da L’Oréal Brasil e integrante do comitê de criação do CONARH – Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, promovido pela ABRH-Brasil; Rubem César Fernandes, antropólogo e coordenador do Viva Rio; e o moderador Mauro Ventura, jornalista e diretor da Dadivar.

A fim de facilitar a escolha do público, as palestras simultâneas, um total de 25, foram categorizadas em sete trilhas de conhecimento – Transformação Digital; Inovação em Educação; Marca Empregadora; Novas Organizações; Cidadania Corporativa; Relações Trabalhistas; e Liderança – e divididas em grupos de cinco.

Visitas técnicas
Pelo segundo ano seguido, a ABRH-RJ realizará visitas técnicas exclusivas para participantes do RH-RIO, que poderão conhecer in loco as práticas de grandes organizações. L’Oréal, OLX e Losango estão confirmadas. Como as vagas são limitadas, é preciso se inscrever para participar.

Logo RH Rio2018_3
Mais informações e inscrições:
www.abrhrio.org.br

 

17 E 18 DE MAIO
No Centro de Convenções Vasco Vasques, em Manaus, a ABRH-AM realizará a 17ª edição do Congresso de Gente e Gestão, que vai acontecer sob o tema central Gestão 4.0: Humanização, Revolução Digital e Reinvenção do Trabalho.

A proposta é, além de refletir sobre o futuro, traçar novos caminhos e modelos de pensamento estratégico que estimulem as pessoas e organizações a se anteciparem na identificação de um mercado cada vez mais digital, revolucionando a forma de produção e geração de riqueza.

Como os líderes estão sendo preparados para lidar com um ambiente cada vez mais volátil, incerto, complexo e ambíguo (VUCA) e com que velocidade estão sendo promovidas as mudanças necessárias? Essas são algumas das questões a serem debatidas no congresso.

Katia Andrade, presidente da ABRH-AM, lembra que já aconteceram outras transformações no cenário corporativo, contudo, jamais houve um ciclo de vida tão curto das competências, tampouco uma escala de mudanças tão aceleradas.

“Por isso, vamos discutir sobre como nos capacitar, interagir e utilizar todo o potencial das mudanças para nos reinventarmos e continuarmos no jogo”, enfatiza.

Eixos temáticos
A programação é composta por 14 palestras divididas em três eixos temáticos: Humanização, Revolução Digital e Reinvenção do Trabalho.

Entre os destaques, estão Rafael Moreira, assessor especial para a Indústria 4.0 do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), na palestra Indústria 4.0: Como formar talentos para a 4ª Revolução Industrial; e Angelina Clarke, vice-presidente de Estratégia da Descomplica, uma das empresas mais inovadoras da Fast Company em 2017, que vai conduzir a palestra Gestão do presente e do futuro – Quais os caminhos para a gestão da inovação?

A ABRH-Brasil também marca presença: seu superintendente Ricardo Mota abordará Diversidade e inclusão – Estratégias para resultados; Wolnei Tadeu Ferreira, diretor Jurídico da entidade, vai tratar da reforma trabalhista como impulsionadora da Revolução 4.0 no Brasil; e Leyla Nascimento, presidente do Conselho Deliberativo da ABRH e presidente eleita da World Federation of People Management Associations, fará a palestra O futuro é agora! Estamos preparados?

Logo Congresso Amazonas
Mais informações e inscrições:

goo.gl/pGMy2Q

 

Para fazer download desta edição, clique aqui

03-05-2018_destaque

 

 

Publicado: 03/05/2018
Voltar

Newsletter:

Cadastrar Remover
Participe do LinkedIn:

Rua das Palmeiras, número 685 - Edifício Contemporâneo
Empresarial, sala 1.504 - Santa Lúcia - 29.056-210
Vitória, ES - Brasil
Mapa de Localização

(27) 98836-0250 / 3324-8326 / 3225-0886

eventos@abrhes.org.br